Aplica-se às versões: EBv9

Assunto

O que é a Altura da barra de uma fundação e como determiná-la?

Artigo

Neste artigo pretende-se indicar como determinar a altura da barra de uma fundação em versões recentes do programa Eberick.

Caso seu programa esteja em uma versão anterior ao programa Eberick V9, como Eberick V8, Eberick V7 e Eberick V6 recomenda-se que acesse o link O que é Altura da barra de uma fundação e como determiná-la em versões anteriores do programa.

A altura da barra de uma fundação representa o “arranque” da fundação.

A altura da barra de uma sapata é definida como a distância entre o nível do pavimento de baldrame e a cota de assentamento da sapata como indicado abaixo:

Altura_barra_V9_1_Eb.gif

Figura 1 - Altura da barra para sapata

Altura da barra (sapata) = Profundidade de escavação da sapata (df)

A altura da barra de um bloco (bloco sobre estacas ou bloco sobre tubulões) é definida como a distância entre o nível do pavimento de baldrame e o topo da fundação somada ao menor valor entre 0,3h (0,3 vezes a maior dimensão do pilar) e a altura útil mínima configurada para o bloco (definida em “Configurações – Dimensionamento – Blocos”).

Altura_barra_V9_2_Eb.gif

Figura 2 – Altura da bara para bloco sobre estacas

Altura da barra (bloco) = Menor valor entre as expressões:

Arranque (ha) + 0,3h

Arranque (ha) + hmín

A partir da atualização 2015-05 do programa Eberick V9 foi adicionada uma opção para definição da altura da barra visando facilitar o uso do comando e manter compatibilizado o modelo de análise com o detalhamento do arranque da fundação. 

Na janela de propriedades da fundação foi criada uma opção que permite escolher a definição da barra como automática ou fixa, sendo que a opção “Fixo” permite ao usuário definir manualmente a altura da barra, mesmo comportamento das versões anteriores do programa. Na opção “Auto” a altura da barra é calculada em função da altura de arranque (ha) para fundações do tipo bloco ou da profundidade (df) para sapatas. Essas informações passam a estar agora na janela de propriedades da fundação e devem ser informadas no momento do lançamento do elemento de fundação. 

Logo, se o item “Altura barra” estiver definido como “Auto” (ver figura abaixo) basta definir o valor de ha(para blocos) ou df (para sapatas) e o programa calculará automaticamente a altura da barra que deverá ser adotada para a fundação.

Altura_barra_V9_3_Eb.gif

Figura 3 – Janela de edição da fundação

A altura da barra de uma fundação é um parâmetro de grande importância, pois é utilizada na análise dos esforços e deslocamentos obtidos na estrutura.

Abaixo estão indicados o Pórtico 3D e o Pórtico unifilar da estrutura que será analisada neste artigo: 

Altura_barra_V9_4_Eb.gif

Figura 4 – Pórtico 3D e Pórtico unifilar da estrutura

Analisaremos duas situações:

(1) Blocos de fundação com arranque (ha) = 30cm

(2) Blocos de fundação com arranque (ha) = 100cm

Sabendo que os pilares do exemplo tem seção 15 x 40 a altura da barra de cada fundação é determinada automaticamente pelo programa como:

(1) Altura da barra = 30cm + 0,3 * 40cm = 42cm

(2) Altura da barra = 100cm + 0,3 * 40cm = 112cm

Apenas a título de exemplo, comparando a estrutura indicada na Figura 4, com “Altura da barra” de 42 cm para todas as fundações com a mesma estrutura porém, com Altura da barra de 112cm, obtêm-se os seguintes resultados de esforço cortante na base da fundação:

Altura_barra_V9_5_Eb.gif

Figura 5 – Esforço cortante atuando na base da fundação

Como indicado através da figura acima, o esforço cortante na base da fundação considerando os blocos com altura da barra de 42cm(1.75tf) é aproximadamente 2 vezes maior do que comparando a mesma estrutura com blocos com altura da barra de 112 cm (0.86 tf).

Em alguns casos a força horizontal (esforço cortante) a que uma fundação está submetida pode ser fundamental para determinação do número de estacas do bloco, isto está explicado em maiores detalhes no artigo Blocos com cargas verticais baixas não passam com poucas estacas.

O valor do arranque adotado para as fundações também tem influência nos momentos fletores obtidos na estrutura.

Com relação à estabilidade global, enquanto a estrutura com “Altura da barra” de 112 cm possui coeficiente gama-z máximo de 1.12 (estrutura de nós móveis) a mesma estrutura, com altura da barra de 42 cm possui coeficiente gama-z máximo de 1.07 (estrutura de nós fixos).

Mais informações a respeito da estabilidade global em estruturas podem ser obtidas nos artigos Considerações sobre o coeficiente gama-z e Procedimentos para enrijecer a estrutura e atender aos requisitos quanto à estabilidade global .

tag(s): Altura, Barra, Fundação