Aplica-se às versões: EBv5, EBv5Gold, EBv6, EBv6Gold, EBv7, EBv7Gold, PMv7, PMv7G, PMv8, PMv8G

Assunto

Quais os tipos de laje disponíveis no Eberick?

Artigo

Devido ao Eberick apresentar diferentes tipos de lajes dependendo dos módulos adicionais do programa, esse artigo tem por objetivo listar e informar os tipos de lajes disponíveis para estes módulos. Serão informadas também as diferenças entre os tipos de lajes ao utilizar os módulos Treliçadas e Gold.

Eberick sem módulos adicionais 

Ao utilizar o Eberick sem módulos adicionais dispõe-se de quatro tipos de laje: Maciça, Nervurada, Pré-moldada e Vigota Protendida. 

Laje Maciça

Nesse tipo de laje inicialmente são montadas as armaduras da laje, a partir da construção das fôrmas, geralmente de madeira. Após a montagem das armaduras pode-se efetuar a concretagem da laje. Essa laje apresenta a execução mais simples dentre todos os tipos de laje, porém demanda uma grande quantidade de fôrma.

 tipos_de_laje_disponiveis_(a) Eb

Visualização do croqui

 tipos_de_laje_disponiveis_(b) Eb

Visualização na forma

Laje Nervurada

Nesse tipo de laje, a armadura estará distribuída nas nervuras (que serão montadas e concretadas in loco), cujo espaçamento será definido em função do bloco de enchimento adotado. Nessa versão do Eberick, têm-se dois blocos de enchimento disponíveis, que são os blocos de EPS (Poliestireno Expandido, conhecido também como Isopor) e os tijolos cerâmicos. A principal vantagem da utilização de enchimento do tipo EPS é a significativa redução no peso próprio da laje.

Para este tipo de laje pode-se visualizar tanto as nervuras, quanto apenas o ponto fixo das mesmas. Para selecionar qual será a visualização adotada pode-se acessar o menu “Configurações – Entrada Gráfica – Lajes”, habilitar a opção “Nervuras e Vigotas” e selecionar qual o tipo de visualização desejado, ponto fixo ou nervuras.

 tipos_de_laje_disponiveis_(c) Eb

Visualização do croqui com ponto fixo

 tipos_de_laje_disponiveis_(d) Eb

Visualização do croqui com nervuras

Independentemente do tipo de visualização escolhido para o croqui, ao acessar a forma serão exibidas as nervuras da laje, desde que a configuração “Desenhar nervuras na fôrma” esteja habilitada, configuração disponível através do menu “Configurações – Forma – Lajes”. É importante, nesse tipo de laje, o correto posicionamento do ponto fixo das nervuras, pois está diretamente relacionado com o posicionamento dos blocos de enchimento.

 tipos_de_laje_disponiveis_(e) Eb

Visualização da forma

Laje Pré-moldada

Nas lajes pré-moldadas a armadura está montada dentro da vigota, sendo posicionada de acordo com o bloco de enchimento adotado. Assim como as lajes nervuradas, pode-se utilizar de blocos de enchimento em EPS e tijolos cerâmicos.

De maneira semelhante às lajes nervuradas pode-se visualizar tanto apenas o ponto fixo das vigotas como todas as vigotas, através do mesmo menu indicado acima.

 tipos_de_laje_disponiveis_(f) Eb

Visualização do croqui com ponto fixo

 tipos_de_laje_disponiveis_(g) Eb

Visualização do croqui com nervuras

 tipos_de_laje_disponiveis_(h) Eb

Visualização da forma

De maneira análoga à exemplificada para as lajes nervuradas, na forma das lajes pré-moldadas a representação das nervuras independe da configuração de entrada gráfica do croqui.

Laje com vigota protendida

Esse tipo de laje é bastante semelhante às lajes do tipo pré-moldada, sendo que em ambos os casos a armadura está posicionada dentro da vigota e a disposição destas será dada de acordo com o bloco de enchimento adotado, podendo ser utilizados os mesmos blocos de enchimento das lajes Pré-moldadas.  

A principal diferença entre a laje pré-moldada e a laje com vigota protendida é que no primeiro caso a armadura não está sendo inicialmente solicitada a esforços, sendo solicitada somente após o início dos carregamentos. Já no segundo caso, devido à protensão, a armadura está sendo solicitada durante todo o processo de montagem. 

As lajes com vigota protendida não são dimensionadas pelo Eberick. É apenas feita uma comparação do vão livre e do carregamento com as informações cadastradas de acordo com o catálogo dos fabricantes, através do menu “Configurações – Lajes com vigotas protendidas”.

 As opções de visualização são as mesmas das lajes pré-moldadas.

Módulo Treliçadas

Laje nervurada

Com o uso do módulo Treliçadas, têm-se dois outros tipos de bloco de enchimento disponíveis para este tipo de laje, as cubetas ULMA e as cubetas ATEX. Pode-se ainda configurar outros blocos de enchimento, através do menu “Configurações – Blocos de enchimento”. Além disso, na planta de formas será indicada a quantidade de cubetas utilizadas.

tipos_de_laje_disponiveis_(i) Eb 

Visualização do croqui

 tipos_de_laje_disponiveis_(j) Eb

Visualização da forma

tipos_de_laje_disponiveis_(l) Eb 

Exemplo da tabela

Laje Treliçada

Para este tipo de laje temos vigotas pré-moldadas com a utilização de treliças de aço. Devido a presença das treliças, esse tipo de laje apresenta rigidez superior a das lajes pré-moldadas. Assim como as lajes pré-moldadas podem ser utilizados blocos de enchimento do tipo EPS e do tipo lajota cerâmica.

tipos_de_laje_disponiveis_(m) Eb 

 Visualização do croqui

 tipos_de_laje_disponiveis_(n) Eb

Visualização da forma

Laje Painel Maciço

Para este tipo de laje tem-se painéis maciços com a utilização de treliças de aço, em sentido unidirecional ou bidirecional. Apresenta propriedades semelhantes à laje maciça em relação à rigidez e resistência. Devido ao modelo da laje necessita de menor escoramento em relação às lajes maciças, visto que o painel apresenta resistência antes mesmo da concretagem. Outra vantagem desse tipo de laje é a redução na quantidade necessária de formas, visto que o painel inferior pode ser usado como forma para a concretagem.

tipos_de_laje_disponiveis_(o) Eb 

 Visualização do croqui

tipos_de_laje_disponiveis_(o) Eb 

Visualização da forma

Laje Painel Maciço com Blocos de Enchimento

Nesse tipo de laje tem-se vigotas treliçadas com uma base de tal dimensão que possam ser colocadas justapostas, e com blocos de enchimento embutido no espaço entre as treliças. Este tipo de laje apresenta a vantagem de permitir a eliminação de formas, redução de peso da estrutura e rapidez de construção.

As lajes do tipo painéis treliçados com enchimento 1D e 2D somente estão disponíveis no Eberick V8 e com o Módulo Treliçadas. 

tipos_de_laje_disponiveis_(q) Eb.gif

Visualização no croqui

tipos_de_laje_disponiveis_(p) Eb.gif

Visualização na forma

Versão Pré - Moldados


Laje Alveolar

Para esse tipo de laje, o programa permite cadastrar cada laje, com geometria definida e uma tabela de vãos máximos, para cada sobrecarga total atuante. Vale colocar que não é considerado o peso próprio da laje na sobrecarga.

Através de um cadastro de lajes alveolares é permitido definir tipos de lajes alveolares de qualquer fabricante para utilização no projeto. Para isso, acesse o menu “Configurações – Lajes Alveolares”.

O lançamento no croqui é feito de forma idêntica às demais lajes do Eberick, entretanto não será permitido gerar continuidade nestas lajes.

Como critério de análise, estas lajes alveolares são geradas no modelo da estrutura e suas reações são transferidas para o pórtico, mas o único dimensionamento será a comparação do vão da laje com os limites cadastrados para as diversas sobrecargas totais.

 

Versão Gold

Ao utilizar a versão Gold não se tem nenhum novo tipo de laje, porém devido ao refinamento na análise das lajes é possível efetuar a verificação da laje aos esforços de punção. Passa a ser possível, portanto, o dimensionamento de lajes apoiadas diretamente sobre os pilares. No caso de lajes maciças pode-se apoiar a laje diretamente sobre o pilar com ou sem o capitel. Já no caso de lajes nervuradas faz-se necessária a utilização de capitéis.

 

?

tag(s): Eberick, lajes